Shirley.comtudo
Open Panel
ALE-RR

Roraima terá campanha permanente de doação de órgãos

shirleycontudo

FOTO IONE

Yonny Pedroso: “Com essa campanha, queremos incentivar as pessoas a conversarem com seus familiares sobre a doação dos órgãos, para que fique clara essa vontade de salvar vidas, pois a retirada dos órgãos depende da autorização dos familiares”.

Foto: Marcelo Rodrigues 

Roraima terá campanha permanente de doação de órgãos

Uma lei de autoria da deputada estadual Yonny Pedroso (Solidariedade) institui a Campanha Permanente de Esclarecimento e Incentivo à Doação de Órgãos em todo o Estado de Roraima.

A Lei n° 1.376, de 3 de fevereiro de 2020, foi sancionada pelo governador Antônio Denarium, e estabelece que a campanha será realizada através de propagandas educativas nos meios de comunicação, atividades informativas nas escolas, nos postos de saúde, hospitais e nos órgãos públicos, além de parcerias co m munic& iacute;pios e entes públicos ou privados para informar à população, de maneira que se desenvolva consciência sobre a necessidade da doação de órgãos.

“Com essa campanha, queremos incentivar as pessoas a conversarem com seus familiares sobre a doação dos órgãos, para que fique clara essa vontade de salvar vidas, pois a retirada dos órgãos depende da autorização dos familiares. A gente sabe que a morte é um momento doloroso, mas a doação pode amenizar esse sofrimento, salvando vidas”, explicou Yonny Pedroso.

Segundo dados do Ministério da Saúde, 40% das famílias dos possíveis doadores não permitem a retirada dos órgãos e isso dificulta o transplante de muitos pacientes que aguardam na fila.

Roraima tem uma Central Estadual de Transplantes, que organiza a capta&cc edil;&at ilde;o de órgãos no Hospital Geral de Roraima.

(Fonte: Ascom/Dep. Yonny Pedroso)

Postagens Anteriores

folha

Inscrições para Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica iniciam-se nesta quinta, 13

shirleycontudo

Turma de mestrado de Educação em rede Fts Divulgação 3

O edital, também disponível em Libras, está na página do programa.

Inscrições para Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica iniciam-se nesta quinta, 13

As inscrições para a turma de 2020 do Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica em Rede Nacional (ProfEPT), começaram  ontem e o  número de vagas aumentou para essa seleção, chegando a 913,  distribuídas entre instituições associadas em todos os estados da Federação.

O edital, também disponível em Libras, está na página do programa. As inscrições seguem até 18 de março de 2020, exclusivamente pela internet. A taxa é no valor de R$ 72,00, sendo o período de isenção de 13 a 21 de fevereiro de 2020 para candidatos amparados pelo Decreto 6.593, de 2 de outubro de 2008, que regulamenta o art. 11 da Lei 8.112, de 1990.

Em Roraima, o curso é ofertado pelo Instituto Federal de Roraima/Campus Boa Vista (IFRR/CBV), que tem como coordenadora local do programa Danieli Lazarini de Barros. São oferecidas 24 vagas para Roraima, sendo metade para servidores da Rede Federal Tecnológica e metade para ampla concorrência.

No dia 17 de maio de 2020 será aplicada a prova, contando com 50 questões de múltipla escolha sobre as bases conceituais e históricas da educação profissional e tecnológica, sobre metodologias de pesquisa e teorias e práticas de ensino e aprendizagem. O artigo 5º do Edital ProfEPT 01/2020 traz as referências  bibliográficas exigidas para essa seleção.

O curso tem como objetivo proporcionar formação em educação profissional e tecnológica, visando tanto à produção de conhecimento como ao desenvolvimento de produtos, por meio da realização de pesquisas que integrem os saberes inerentes ao mundo do trabalho e ao conhecimento sistematizado pertinentes à educação profissional de nível médio ou obtidos em espaços não formais.

Ofertado na modalidade semipresencial, o ProfEPT é ministrado pela Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, composta pelos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, pelos Centros Federais de Educação Tecnológica e pelo Colégio Pedro II. É coordenado por um Comitê Gestor e pela Comissão Acadêmica Nacional.

Link do Edital ProfEPT:

https://profept.ifes.edu.br/images/stories/ProfEPT/Turma2020/2020_Edital_ENA_1102.pdf

(Fonte: ASCOM/IFRR) 

Postagens Anteriores

folha

Deputados de Roraima tomam posse na diretoria da Unale

shirleycontudo

84332781 2744573138956131 5880258128888463360 o

Yonny Pedroso, Gabriel Picanço e Jorge Everton compõem a Diretoria Executiva da instituição em 2020

Deputados de Roraima tomam posse na diretoria da Unale

A deputada Yonny Pedroso (SD) e os deputados Jorge Everton (MDB) e Gabriel Picanço (Republicanos) tomaram posse na Diretoria Executiva da Unale (União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais) no inicio dessa semana. A cerimônia ocorreu na sede da instituição, em Brasília.

Os parlamentares se comprometeram a compartilhar informações sobre as problemáticas do Estado e a pedirem apoio às questões imigratórias, energética e de Saúde. Eles foram eleitos na 23ª Conferência Nacional da Unale em novembro de 2019 para o ano de 2020. Yonny Pedroso representa Roraima na Secretaria Estadual; Jorge Everton é membro do Conselho Fiscal; e Gabriel Picanço, como tesoureiro da Unale.

Em seu primeiro mandato como deputada, Yonny Pedroso afirmou que sua presença na diretoria da Unale representará um compromisso com a população de Roraima. “De participar desse evento na construção e fortalecimento de políticas públicas como também pautas importantes para o nosso Estado como a questão da crise imigratória, energética, agronegócio, a cultura do nosso Estado”.

Em discurso, o deputado Jorge Everton aproveitou a presença de deputados estaduais de outras Unidades da Federação para reforçar o pedido de atenção às causas humanitárias, como a entrada de imigrantes da Venezuela, e de Saúde, devido a possibilidade de ingresso do coronavírus pela fronteira com a Guiana. “Roraima está na problemática da Venezuela. Essa entrada desenfreada que vem trazendo muito prejuízo para o nosso Estado e a população está sofrendo problemas na saúde, na educação, na segurança pública”, lembrou.

Quem comandará a Unale este ano será a deputada da Bahia, Ivana Bastos (PSD). A vice-presidência é de Ricardo Ayres (PSB-TO). A Unale agrega 1.059 deputados estaduais de todo o Brasil e tem como foco garantir o cumprimento dos direitos e deveres da dos cidadãos do País.

Foto: Jessen Peixoto / Unale (Fonte: SupCom ALE-RR)

Postagens Anteriores

folha

Oficinas vão mostrar como empresários podem utilizar as redes sociais para aumentar vendas e se consolidar no mercado

shirleycontudo

Foto Oficina

Evento acontecerá hoje as 18h

Oficinas vão mostrar como empresários podem utilizar as redes sociais para aumentar vendas e se consolidar no mercado

Utilizar as redes sociais para estimular as vendas, aumentar a lucratividade do negócio e se consolidar no mercado estão entre os objetivos dos empreendedores que desejam atingir novos públicos e dialogar com clientes. Para auxiliá-los nessa tarefa, o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Roraima (SEBRAE-RR) oferta nas próximas semanas, duas oficinas para quem deseja melhorar seu empreendimento.

A primeira oficina terá como tema ‘Dicas de Ferramentas para Empresários’ e será realizada no dia 13 de fevereiro, das 18h às 22h, no Espaço SEBRAELAB, localizado no Bairro São Pedro, zona Norte de Boa Vista. A apresentação será ministrada pela jornalista, cerimonialista e digital influencer, Siloany Neves, que pretende auxiliar empreendedores a obterem o melhor desempenho no uso das redes sociais.

Conforme o analista técnico do SEBRAE-RR responsável pelo Módulo Redes Sociais, Gabriel Martins, as oficinas vão mostrar como os empreendedores podem utilizar as redes sociais em benefício do empreendimento, uma vez que estas ferramentas de divulgação estão entre as que dão mais retorno aos empresários nos últimos tempos.

Gabriel explicou que a segunda oficina trabalhará o tema ‘Práticas nas Redes Sociais: foto e legenda, feedback nos stories – atendimento de clientes via whatsapp’ e será realizada no dia 20 de fevereiro, no mesmo horário e local da primeira. As oficinas serão destinadas ao público alvo: Microempresas (ME), Microempreendedores Individuais (MEI) e Empresas de Pequeno Porte (EPP).

“A primeira vai apresentar dicas de como as redes sociais podem ser utilizadas no negócio conforme cada segmento. Enquanto a segunda oficina vai mostrar como colocar todo o aprendizado em prática. Com isso, o empresário vai saber como publicar uma foto, como escolher a melhor legenda e como interagir com o público e possíveis clientes”, citou o analista técnico.

De acordo com Gabriel, as oficinas também vão mostrar como o uso das redes sociais pode ajudar no aumento do faturamento no final do mês. Além disso, elas são uma forma de capacitação para o empresário que deseja migrar o negócio para o mercado digital, assim como atingir novos públicos.

“A principal relevância é mostrar como as redes sociais funcionam e qual o impacto que o uso adequado das redes pode ter no público alvo que a empresa pretende atingir. Outro ponto importante das oficinas é destacar como a internet pode impulsionar as vendas e como é necessário e urgente investir nesse meio”, ressaltou.

COMO PARTICIPAR?

Somente 30 vagas são ofertadas para cada oficina, sendo assim limitadas. As inscrições podem ser realizadas por meio da Central de Relacionamento do SEBRAE-RR pelo telefone 0800 570 0800.

O investimento é de R$ 60 para o Módulo Redes Sociais, que oferta as oficinas ‘Dicas de Ferramentas para Empresários’ e a ‘Práticas nas Redes Sociais: foto e legenda, feedback nos stories – atendimento de clientes via whatsapp’. O evento será realizado no Espaço SebraeLab.

As oficinas têm carga horária de 4h e todos os participantes receberão certificação. Mais informações podem ser obtidas pelo Portal do SEBRAE Roraima: http://www.sebrae.com.br/roraima.

Postagens Anteriores

folha

Caer garante horário especial para mães com filhos deficientes

shirleycontudo

Adriana Padilha horário diferenciado 2

O direito a horários diferenciado é garantido pela CLT e foi aderido pela empresa na atual gestão

Caer garante horário especial para mães com filhos deficientes

Desde 2019, a Caer (Companhia de Águas e Esgotos de Roraima) utiliza ponto eletrônico para marcar a presença dos funcionários. Pensando na qualidade de vida das servidoras que têm filhos com deficiência, a empresa implantou ponto eletrônico com horário diferenciado para elas.

Conforme o presidente da Caer, James Serrador, garantir o direito dessas mães é um avanço, pois permite melhoria na qualidade de vida da família e isso reflete na melhoria do serviço prestado à população.

"Muitas mães que trabalham e têm filhos com deficiência, têm dificuldade de cuidar das crianças em função do horário de trabalho integral e corrido de seis horas. O que a Caer está fazendo é fazer valer o direito dessas mães, que já é garantido na CLT [Consolidação das Leis do Trabalho]. A lei permite que elas tenham a redução de horário, para poder ter mais tempo para cuidar dos filhos que necessitam de maiores cuidados e o ponto eletrônico facilita o monitoramento da presença delas na empresa", explicou James.

Atualmente, a empresa possui três servidoras com o benefício

Adriana Padilha, que tem um filho de 9 anos com TEA (Transtorno do Espectro Autista), falou das dificuldades na rotina, já que o filho necessita de acompanhamento com vários especialistas e não existe terapia específica para doença.

"A criança autista possui características próprias, como dificuldade de interação social, comunicação, comportamentos estereotipados e interesses restritos, podendo também apresentar sensibilidade sensorial e isso requer um acompanhamento próximo dos pais. O horário especial concedido me permite uma dedicação maior aos cuidados com meu filho, pois além da escola regular pela manhã, ele frequenta terapias no horário oposto. No caso do meu filho, as terapias giram em torno de psicóloga, fonoaudióloga, psiquiatra e psicopedagoga. Mesmo sendo um direito meu, é gratificante saber que trabalho em uma empresa que se preocupa com o bem-estar dos servidores e das suas famílias", disse Adriana.

PONTO ELETRÔNICO - O sistema de ponto eletrônico substituiu a folha de frequência impressa dos servidores da Caer em novembro de 2019. O processo de aquisição do ponto eletrônico da Caer passou por várias fases, desde a licitação, instalação, cadastro de servidores e teste. O processo permitiu que vários órgãos do Governo do Estado, das administrações direta e indireta, aderissem à ata de registro de preços para aquisição do equipamentos, mediante ao processo licitatório.

O diretor Administrativo e Financeiro da Companhia, Thiago Amorin, explicou que a efetivação do sistema facilitou a reorganização do quadro de horários, reduzindo as horas extras. "Um avanço importante para a empresa, que além de regularizar a jornada de trabalho, garante a efetividade da legislação trabalhista. Com certeza, estamos com uma efetividade maior nos processos administrativos e técnicos da Companhia”, disse.

(Fonte: Ascon/Caer)

Postagens Anteriores

folha