Home
Open Panel

 

shirleycontudo

Visita Anjos a ALE 18

Atividade faz parte da celebração do Dia Mundial da Pessoa com Deficiência do grupo

Anjos de Luz visitam Assembleia Legislativa para entender funcionamento das leis

Cerca de 50 pessoas da Associação Anjos de Luz, grupo de mães e familiares de pessoas com deficiência, estiveram na Assembleia Legislativa de Roraima, essa semana, juntamente no Dia Mundial da Pessoa com Deficiência. Os visitantes foram recepcionados pelo deputado Jorge Everton (MDB) e pelos superintendentes geral e legislativo da Casa.

O parlamentar explicou aos presentes sobre o funcionamento do Poder Legislativo e quais as políticas públicas foram criadas para este público e asseguradas por lei. Para Jorge Everton, quanto mais conhecimento o cidadão tiver, melhor ele saberá como buscar essas garantias. “Muitas vezes essas leis são mortas e não conseguem chegar a uma execução porque não são cumpridas da forma adequada. Esse papel de vigilância não tem que ser só da Assembleia, mas de todo cidadão”.

Na ocasião, a presidente do grupo, Maria das Dores Pereira, ressaltou a importância de as pessoas com deficiência e seus familiares conhecerem seus direitos, uma vez que também são cidadãos como qualquer outro, e é por meio do conhecimento que eles podem exercer a cidadania. “A gente veio conhecer como funciona e quais as leis aprovadas para a pessoa com deficiência. Foi um esclarecimento maravilhoso”.

Direitos

O Poder Legislativo possui mais de 10 leis estabelecidas para melhorar a qualidade de vida da pessoa com deficiência. Um dos direitos básicos deste público é o atendimento preferencial em instituições públicas e privadas.

Para aqueles que precisam utilizar o transporte público, a Lei nº 639/2008 concede passe livre às pessoas com deficiência física, mental, auditiva ou visual, no sistema de transportes coletivos intermunicipais de passageiros. Outro direito previsto por lei é a vacinação domiciliar.

Estas são algumas das políticas públicas criadas pela Assembleia Legislativa por meio de leis, para facilitar a socialização, acessibilidade e qualidade de vida à pessoa com deficiência e seus familiares.

(Fonte: SupCom ALE-RR)

 Postagens Anteriores

folha

ALE-RR

+q10

Margem Cultural

Marleide Cavalcanti

Bunita

Wagner Luther